• Biotec Júnior

Piscicultura: por onde começar?



As possibilidades de um estilo de vida diferente e de maior qualidade têm levado à mesa do brasileiro novas opções para alimentação, aumentando a procura por alternativas mais saudáveis. Em função desse novo estilo, o cultivo de peixes no Brasil têm crescido de forma acelerada e apresenta-se como umas das atividades mais promissoras do momento. Essa atividade apresenta diversas vantagens quando comparada com outras cadeias produtivas, principalmente porque não requer tanto quanto outros tipos de cultivo, no entanto, alguns fatores são importantíssimos para que o produtor possua maior rentabilidade e ofereça um produto de qualidade e com grandes diferenciais aos seus consumidores.


Para você que pretende iniciar neste ramo, alguns cuidados são essenciais para que não haja qualquer tipo de prejuízo ou problemas maiores. Em primeiro lugar você deve se atentar a qualidade do solo. Isso mesmo! Solos com baixo teor de argila podem acabar com a produção de um dia para o outro ou afetar diretamente o crescimento dos peixes. Segundo o setor de Pesca e Aquicultura da Embrapa, recomenda-se que o teor de argila no solo seja superior à 22%. Em segundo lugar você deve escolher bem a espécie de peixe que pretende cultivar e a ração correta, pois um dos maiores índices de perda de produção se dá pela distribuição e armazenamento incorreto do alimento utilizado.

E como já esperado, a qualidade da água é o fator mais importante para você neste momento. Nem sempre podemos avaliar a qualidade de água de forma simplificada e nesse caso, para um bom desenvolvimento dos peixes e uma produção economicamente viável, o controle da qualidade dos viveiros deve ser constantemente mantido. Diversas empresas realizam análises da qualidade da água e algumas possuem preços interessantes para você. Quer saber mais sobre esse e outros assuntos? Assine nossa newsletter e receba novos conteúdos!



50 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • LinkedIn - White Circle
  • Instagram - White Circle

 

© Copyright - Todos os direitos reservados

Comunicação 2019 - 2020